Sul da Flórida terá muitas chuvas causadas por uma tempestade que pode se tornar Alberto

As chuvas inundaram ruas e estradas em todo estado, piorando o já caótico trânsito da região, fechando aeroportos e causando estrago generalizado
O sul da Flórida não está na projetada direção de um sistema que traz tempo ruim e vem aproximando-se do Golfo do México, mas a região está do lado leste — o mais úmido — da precipitação.
As chances de chuvas, previstas pelo Serviço de Meteorologia Nacional, são de 80 a 70 por cento durante o feriadão do Memorial Day. Somente no meio da semana é que as possibilidades de chuvas caem para 40 por cento, dentro do padrão de uma típica temporada chuvosa no sul da Flórida.
Nesse período, são esperadas muita chuva, ventos cortantes, fortes correntezas e a possibilidade de tornados isolados.
Na sexta-feira (25), a massa chuvosa que está indo em direção ao Golfo tem 90 por cento de chance de evoluir para uma depressão ou tormenta durante os próximos dois dias e 90 por cento de chance durante os próximos cinco dias, de acordo com o Centro Nacional de Furacões.
“Localmente, fortes chuvas estão previstas para o oeste de Cuba e muito sobre a Flórida e a costa norte do Golfo na próxima semana”, afirmou Stacy Stewart, especialista em furacões, ao analisar o panorama da meteorologia tropical desta sexta-feira (25).
Um avião de reconhecimento da Reserva da Força Aérea está programado para investigar esta massa chuvosa nesta tarde.
Se o sistema aumentar e se tornar a primeira tormenta da temporada de furacões do Atlântico em 2018, receberá o nome de Alberto.

Fonte: AcheiUSA

FN