Suprema Corte indiana mantém pena de morte para estupradores que atacaram mulher em ônibus

O rapaz foi espancado e não pôde ajudá-la enquanto ela era atacada. Segundo a imprensa indiana, ela foi atacada com uma barra de ferro durante a violência sexual. Depois do crime, os dois foram jogados para fora do veículo. Doze dias depois, a Jyoti morreu devido a ferimentos internos gravíssimos.

Fonte: G1

Comentários Facebook

FN

Deixe uma Opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *