TRF4 encerra 2017 mantendo histórico de aumentar sentenças de Sérgio Moro

“Você tem, por exemplo, 15, 20 réus num processo com vários fatos, corrupção, lavagem de dinheiro, prova produzida no exterior, uma análise mais complexa. Isso demora mais. Se você tem um caso mais simples, que envolve um, dois, três, quatro réus, e um, dois, três fatos, você examina mais rápido e já conhece também as teses, as alegações que foram feitas”, exemplifica Cazarré.

Fonte: G1

FN