Nova embaixada dos EUA em Londres é uma fortaleza no olho do furacão

Os prédios diplomáticos americanos têm sido alvo frequente de atentados, como o de Dar es Salaam, na Tanzânia, destruído por uma bomba em 1998, ou de invasões, como no de Teerã em 1979 após o triunfo da Revolução Islâmica – que acabou no sequestro durante meses de seus diplomatas -, ou, mais recentemente, o consulado de Benghazi, que acabou com o assassinato do embaixador na Líbia Chris Stevens.

Fonte: G1

Comentários Facebook

FN