Saiba como as apostas pagas para a loteria beneficiam a sociedade

Arquivo/ Cruz Vermelha de São Paulo

A arrecadação das loterias da Caixa Econômica Federal cresceu no ano passado, e isso é bom para programas sociais importantes. Em 2017, a instituição arrecadou R$ 13,88 bilhões. Esse número é 8,14% maior que o registrado em 2016. Apenas a Mega da Virada chegou a R$ 890 milhões em apostas.
Por que tudo isso é importante? De todo o valor arrecadado, um percentual é destinado a repasses sociais. Isso quer dizer que programas que ajudam pessoas mais necessitadas receberam mais dinheiro. Em 2017, o total foi de R$ 6,5 milhões em repasses.
Confira as áreas beneficiadas pelo direcionamento de verbas:
Esporte
Ministério do Esporte – R$ 525.115,00
Clubes de Futebol – R$ 114.600,00
Comitê Olímpico Brasileiro (COB) – R$ 223.818,00
Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) – R$ 131.789,00
Confederação Brasileira de Clubes (CBC) – R$ 62.510,00
Educação
Fundo de Investimento do Estudante Superior (FIES) – R$ 969.192,00
Prêmios Prescritos Repassados ao Fies – R$ 326.019,00
Cultura
Fundo Nacional da Cultura (FNC) – R$ 384.314,00
Segurança
Fundo Penitenciário Natural (Funpen) – R$ 417.098,00
Seguridade
Seguridade Social – R$ 2.309.711,00
Receita Federal
Imposto de Renda sobre prêmios pagos – R$ 1.078.095,00
Outros
Saúde e Testes Especiais (como a Cruz Vermelha) – R$ 14.771,00
Fonte: Governo do Brasil, com informações da Caixa Econômica Federal

Comentários Facebook

FN